Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ifg.edu.br:8080/handle/prefix/801
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Título: Gestão da manutenção de obras de artes especiais na cidade de Goiânia
Título(s) alternativo(s): Maintenance Management of Special Arts Build in the city of Goiânia
Autor(es): Silva, Clara Carolina Pinheiro da
Primeiro Orientador: Ferreira, Ricardo de Alcântara
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Santos, Vinícius Carrião dos
metadata.dc.contributor.referee1: Ferreira, Ricardo de Alcântara
metadata.dc.contributor.referee2: Antonelli, Glydson Ribeiro
metadata.dc.contributor.referee3: Melo, Matilde Batista
Resumo: Assim como qualquer obra da construção civil, as Obras de Arte Especiais (OAEs) também sofrem degradação e, portanto, é necessário que haja um programa de gerenciamento dessas obras, que oriente os órgãos e empresas responsáveis na programação e tomada de decisões sobre intervenções e ações de manutenção, para garantir a extensão da vida útil e o bom desempenho dessas estruturas. É fundamental realizar inspeções nos elementos e componentes das OAEs, executar verificações do comportamento dessas estruturas ao longo do tempo e estabelecer uma programação de manutenção constante e eficiente. O objetivo deste trabalho foi investigar a gestão da manutenção de OAEs na cidade de Goiânia, pesquisar o processo de manutenção e enfatizar as estratégias e dificuldades. O método científico utilizado para a realização deste estudo foi a revisão bibliográfica sobre o tema, coleta de informações e análise dos dados colhidos. Para a investigação do tema buscou-se agentes e instituições com experiência e responsáveis pela gestão e manutenção de OAEs. Para a coleta de dados optou-se pela elaboração de questionários. Foram elaborados seis questionários, sendo enviados por e-mail a três órgãos de infraestrutura, uma empresa privada, uma Concessionária de Rodovias e um engenheiro especialista na área. No entanto, dos seis questionários enviados, apenas dois foram respondidos: o questionário enviado ao órgão gestor de OAEs da União e o enviado ao engenheiro especialista em manutenção de OAEs. Alguns fatores como a troca da Gestão da Prefeitura de Goiânia em 2021 acrescida das limitações impostas pela pandemia de COVID-19 prejudicaram a obtenção das informações junto aos outros órgãos gestores que não responderam os questionários. Contudo, apesar das limitadas informações ainda assim foi possível comparar as estratégias de gestão da manutenção de OAEs adotadas pelo órgão da União e pelo estudo independente realizado pelo CREA e apontar dificuldades, sendo restritas as possibilidades de maiores contribuições deste trabalho em função dos poucos dados obtidos cujas justificativas sugerem que a gestão da manutenção das OAEs acontece de uma forma particularizada, sem poder apontar se ela de fato acontece de forma organizada ou se é insatisfatória, ou mesmo se recebe o valor que deve ter.
Abstract: Like any civil construction, Special build of Art (OAEs) also provide degradation and, therefore, it is necessary to have a management program for these build, which guides the agencies and companies responsible for programming and making decisions about the maintenance actions and actions, to guarantee the extension of the useful life and the good performance of these structures. It is essential to carry out inspections on the elements and components of the OAEs, perform structural checks over time and establish a constant and efficient maintenance schedule. The objective of this work was to investigate the maintenance management of OAEs in the city of Goiânia, investigating the maintenance process and emphasizing the strategies and difficulties. The scientific method used to carry out this study was a bibliographic review on the topic, information collection and analysis of the collected data. For an investigation of the theme, agents and institutions with experience and responsible for the management and maintenance of OAEs were sought. For data collection, we chose to prepare questionnaires. Six questionnaires were prepared, sent by e-mail to three infrastructure agencies, a private company, a Highway Concessionaire and an engineer specialized in the area. However, of the six questionnaires sent, only two were answered: the questionnaire sent to the managing body of OAEs of the Union and the one sent to the engineer specialized in maintenance of OAEs. Some factors, such as the change in the Management of the Municipality of Goiânia in 2021, in addition to the limitations imposed by the pandemic of COVID-19, hindered the obtaining of information from other management bodies that did not answer the questionnaires. However, despite the limitations, the information was still possible to compare the maintenance management strategies of OAEs adopted by the Union agency and the independent study carried out by CREA and possible difficulties, being restricted as possibilities for greater contributions from the work due to the few obtained data result from justifications made that the maintenance management of OAEs happens in a particularized way, without being able to point out if it actually happens in an organized way or if it is unsatisfactory, or even if it receives the value that the developer.
Palavras-chave: Gestão
Obras de Arte Especiais
Manutenção
Management
CNPq: CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA CIVIL::INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Insitituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás
Sigla da Instituição: IFG
metadata.dc.publisher.department: Câmpus Goiânia
Citação: SILVA. Clara Carolina Pinheiro da. Gestão da Manutenção de Obras de Arte Especiais na cidade de Goiânia. Trabalho de conclusão de curso. Engenharia Civil, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás – IFG, Goiânia, 2021. 102 f.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ifg.edu.br:8080/handle/prefix/801
Data do documento: 19-Mar-2021
Aparece nas coleções:Bacharelado em Engenharia Civil

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tcc_Clara Carolina Pinheiro da Silva.pdf2,44 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.