Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ifg.edu.br/handle/prefix/125
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Título: Análise da potencialidade da cinza do papel kraft na incorporação em concreto de cimento Portland
Autor(es): Fava, Gustavo Coelho
Silva, Lucas Godoy da
Primeiro Orientador: Araújo, Renato Costa
metadata.dc.contributor.referee1: Araújo, Renato Costa
metadata.dc.contributor.referee2: Almeida, Marina Augusta Malagoni de
metadata.dc.contributor.referee3: Martins, Marccus Victor Almeida
Resumo: A indústria da construção civil desempenha um papel de grande importância social e econômica no país, gerando empregos e sendo responsável por uma parcela relevante no produto interno bruto brasileiro. No entanto, a construção civil é a maior entre outras quanto a geração de resíduos sólidos. Um dos componentes deste grupo de resíduos sólidos é o saco de cimento. As sacarias, que muitas vezes não recebem tratamento adequado por serem contaminadas pela impregnação de cimento, acabam por acirrar o impacto ambiental ocasionado pela construção civil. No presente trabalho foi analisado a potencialidade das cinzas de papel kraft proveniente das sacarias de cimento na incorporação de concreto de cimento Portland. Esta análise se iniciou pela determinação do índice de atividade pozolância das cinzas produzidas em temperaturas que variaram de 500°C a 1000°C pelo método Chapelle modificado. Desta meneira, a temperatura de 900°C foi adotada para produção das cinzas a serem incorporadas por meio de substituição em massa de cimento nos teores de 5%, 10% e 15%. Embora as cinzas produzidas a 900°C tenham retornado o maior índice de atividade pozolânica, as cinzas produzidas em todas as temperaturas propostas apresentaram potencial pozolânico. Mantido o traço e a relação água/cimento fixos, observou-se que a incorporação das cinzas não acarretou em mudanças significativas do concreto em seu estado fresco. Dentre os teores de incorporação propostos, o teor de 5% apresentou os melhores ganhos de resistência.
Abstract: The building construction industry plays a significant social and economic role in the country, bringing forth jobs and being responsible for a relatively large share of Brazil's gross domestic product. However, this is the largest industry about the generation of solid waste, a group of waste in which the bags of cements are framed. However, sack, which often do not receive adequate treatment because they are contaminated by cement impregnation, end up mitigating the environmental impact caused by construction. In the present work the potentiality of the kraft paper ashes from the cement sacks in the concrete incorporation of Portland cement is analyzed. This analysis was initiated by determining the pozzolan activity index of the ashes produced at temperatures ranging from 500 ° C to 1000 ° C by the modified Chapelle method. From this moment, the temperature of 900 ° C was adopted to produce the ash to be incorporated by means of mass substitution of cement in the contents of 5%, 10% and 15%. Although the ashes produced at 900 ° C returned the highest index of pozzolanic activity, the ash produced at all temperatures proposed had pozzolanic potential. Maintaining the trace and the fixed water / cement ratio, it was observed that the incorporation of the ashes did not entail significant changes of the concrete in its fresh state. Among the proposed incorporation levels, the 5% content presented the best strength gains.
Palavras-chave: Concreto
Sacos de cimento
Kraft
Cinzas
Adição mineral
CNPq: CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA CIVIL
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Insitituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás
Sigla da Instituição: IFG
metadata.dc.publisher.department: Câmpus Aparecida de Goiânia
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ifg.edu.br/handle/prefix/125
Data do documento: 4-Ago-2017
Aparece nas coleções:Bacharelado em Engenharia Civil

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tcc_Gustavo Fava_Lucas Silva.pdf8,21 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.